domingo, 30 de janeiro de 2011

Hoje isso me tocou profundamente...


























"Eu deixarei que morra
em mim o desejo de amar os teus olhos que são doces
Porque nada te poderei dar senão a mágoa de me veres eternamente exausto.
No entanto a tua presença é qualquer coisa como a luz e a vida
E eu sinto que em meu gesto existe o teu gesto e em minha voz a tua voz.
Não te quero ter porque em meu ser tudo estaria terminado.
Quero só que surjas em mim como a fé nos desesperados
Para que eu possa levar uma gota de orvalho nesta terra amaldiçoada
Que ficou sobre a minha carne como nódoa do passado.
Eu deixarei... tu irás e encostarás a tua face em outra face.
Teus dedos enlaçarão outros dedos e tu desabrocharás para a madrugada.
Mas tu não saberás que quem te colheu fui eu, porque eu fui o grande íntimo da noite.
Porque eu encostei minha face na face da noite e ouvi a tua fala amorosa.
Porque meus dedos enlaçaram os dedos da névoa suspensos no espaço.
E eu trouxe até mim a misteriosa essência do teu abandono desordenado.
Eu ficarei só como os veleiros nos pontos silenciosos.
Mas eu te possuirei como ninguém porque poderei partir.
E todas as lamentações do mar, do vento, do céu, das aves, das estrelas.
Serão a tua voz presente, a tua voz ausente, a tua voz serenizada."

Vinicius de Moraes

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Horários

Olá amigos, estes são os horários do programa "Falando de Arte - Com Ghiza Rocha" no Canal Primer -canal 28 pelo sistema Viamax e  canal 11 pelo sistema Net (Santa Catarina)

Segunda-feira-17h30
Terça-feira-15h15
Quarta-feira- 11h00
Quinta-feira- 10h00
Sexta-feira- 10h30
Sábado - 09h45
Domingo- 13h45

Mas se você não mora em Santa Catarina, poderá assistir pelo site da Primer TV : http://www.primertv.com.br/ 

Lá estarei divulgando os principais artistas do estado, os eventos mais interessantes e muito mais para trazer até você informação, lazer e cultura. Conto com a audiência de vocês! Divulguem, vamos apoiar a Arte no nosso país!


Grande abraço! 

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

ESTREOU! "Falando de Arte - Com Ghiza Rocha"

Amigos, estreou hoje o primeiro programa "Falando de Arte - Com Ghiza Rocha"

 LINK: http://justin.tv/primertvnanet/b/277745710
Aguardo sugestões, críticas e tudo mais que me faça evoluir!



Na próxima semana, um programa especial sobre Retrato Artístico.

abraço a todos!

sábado, 15 de janeiro de 2011

Saudades!


 São Paulo - 365

Tem dias que eu digo "não"
Inverno no meu coração
Meu mundo está em tua mão
Frio e garôa na escuridão...

Sem São Paulo
O meu dono é a solidão
Diga "sim"
Que eu digo "não"...(2x)

Tem dias que eu digo "não"
Inverno no meu coração
Meu mundo está em tua mão
Frio e garôa na escuridão...

Sem São Paulo
Oh! Oh! Oh!
O meu dono é a solidão
Diga "sim"
Que eu digo "não"...(2x)

Quem é seu dono?
Ninguém, São Paulo
Quem é seu dono?
Ninguém, São Paulo...

Tem dias que eu digo "não"
Inverno no meu coração
Meu mundo está em tua mão
Frio e garôa na escuridão...

Sem São Paulo
O meu dono é a solidão
Diga "sim"
Que eu digo "não"...(2x)

Desperta São Paulo!
Desperta São Paulo!

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

FALANDO DE ARTE - Com Ghiza Rocha

Queridos amigos,
É com muita alegria que venho partilhar esta novidade!


Ainda este mês estréia o programa "Falando de Arte - Com Ghiza Rocha", pela Primer TV - Canal 28 do sistema Via Max e Canal 11 do sistema Net. Mas se você não mora em Santa Catarina, poderá assistir pelo site da Primer TV : http://www.primertv.com.br/ 

Lá estarei divulgando os principais artistas do estado, os eventos mais interessantes e muito mais para trazer até você informação, lazer e cultura.

AGUARDE!   Em breve "Falando de arte - Com Ghiza Rocha"!


Para anunciar envie um email para: ghizarocha@gmail.com ou ligue: (48) 96547392

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Helena fez um cartão.

Helena, 4 anos e meio, minha filhoca linda, fez um "coelho, com olhos laranja e shorts verde.



Alguém duvida?

PS: Se vc não enxergou o coelho, vc não está preparado para a contemporaneidade.

domingo, 9 de janeiro de 2011

Regresso.

Flagrei-me novamente na varanda,
Erguendo os olhos há tempos cabisbaixos,
Redescobrindo estrelas...
No absurdo do qual a vida se revelou,
Nessa minha histeria interna,
Entre risos e lágrimas secretas,
Aninhou-se ferida e silenciosamente a felicidade...

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Primeiro exercício do ano... Tina Turner.

É, eu não to bem aquecida ainda... não sei se gostei desse trabalho, mas taí, a primeira coisa que fiz (ou tentei fazer) este ano. Achei um pouco poluído e carregado.. mas eu tbm não ando muito bem da cuca, então vai assim mesmo...


É nanquim e pastel seco sobre canson escolar tamanho A3

Das tripas coração.

Eu estou lendo a biografia do Lobão, "50 anos a mil", comprei na minha última viajem a SP, que também marca um ciclo, e esse livro arrebatador (porque ô pessoa que VIVEU, esse meu ídolo musical-pensante-artistico-político-social viu? rs*) Eu, humildemente aqui no meu anonimato, tbm estou vivendo os meus 34 anos a mil ...
Aí com o livro, descobre-se esta nova canção... que "rasgou as minhas veias..." E como este blog é pros meus pensamentos, hoje eu deixo essa canção...


Das Tripas Coração Lobão
Quem foi que disse a você?
Quero saber
Que perder é o mesmo que esperar
Quem é que vai ficar tranqüilo perdido
Na beira do abismo sangrando?
Se você pudesse ter alguém de joelho aos teus pés
Ao pedir o teu sinal
Sussurrando todo seu calor na tua orelha
Procurando uma palavra que não fosse em vão
Que fizesse você compreender

Abandono meu lugar rasgando as veias
Derramando o meu amor pelas areias
Anuncio um lindo sol radiante
A última alvorada
Em teu semblante
E na perfeição de um céu sem sombras
a gente vai se encontrar

E das tripas coração mais uma tarde
Pra levar o meu amor pra eternidade
Meu amigo por favor me aguarde
Que a gente vai se encontrar
Que a gente vai se encontrar


Quem é que vai zombar desse Deus trapaceiro
Nesse Rio de Janeiro
Quem é que vai anunciar a próxima atração
E uivar pra lua cheia gargalhar dos tormentos do
mundo

Quem é que vai ficar sorrindo jogando palavras ao
amar
Vendo a terra também estremecer
Quero saber quem é que vai guardar toda essa dor
De ficar sozinho no convés sem a tripulação
Sou eu

E abandono meu lugar rasgando as veias
Derramando o meu amor pelas areias
Anuncio um lindo sol radiante
A última alvorada
Em teu semblante
E na perfeição de um céu sem sombras
a gente vai se encontrar

E das tripas coração mais uma tarde
Pra levar o meu amor pra eternidade
Meu amigo, por favor, me aguarde
Que a gente vai se encontrar
Que a gente vai se encontrar