domingo, 11 de junho de 2006

Nascida.


Esperar que ele volte,
Encantar-se com o que não se vê
Tocar o que nem sempre é sensível,
Sonhar com o impossível,

Asas da alma...

Provar novo sumo,
Abrir outra caixa,
Pular em abismos perfumados,
Dança colorida de amanhã,

Viver é fantasiar-se de ilusões...

4 comentários:

Julia Moraes disse...

Olá Giselle,
Também já tinha visto seu blog, através dos blogs da Anna e da Li. É muito bom! Seja bem-vinda ao meu espaço.

Thiago Quintella disse...

Tudo atrelado, imaginário, Simbólico e real!

greentea disse...

viver é comer cerejas

é plantar uma cerejeira em cada dia


um beijo


volta sempre

M. disse...

Quando quiseres sentar-te no banco, avisa: quero fazer-te companhia. :-)