terça-feira, 20 de junho de 2006

Ícaro.


Um romântico não se constrói.
Ele emerge entre sons e plumas,
Sobre poemas e cores.
Não decide amar ou não amar...
Ama.
Ou não.
Prisioneiro de seus segredos e silêncios,
Olhos sempre abertos
A todo vislumbre,
Todo sinal,
Poros à toda brisa...
Ele repousa sobre seus devaneios e faz-se assim,
Criança com seus brinquedos diários,
Entretido com desvarios e engenhos...
Acordado, sonha
Dormindo, sonha
E de tão sonhador acha-se real
Acreditando que ninguém pode acorda-lo...

7 comentários:

greentea disse...

É VERDADE
ENQUANTO UNS SONHAM ACORDADOS
OUTROS DORMEM SONHANDO

outros não têm opção

um beijo

greentea disse...

podes linkar-me à vontade


será que Há lava-pés de romantismo?

e qual será a erva adequada para deitar na água?...

greentea disse...

o` só agora reparei q no post de baixo fizeste um comment e que eestás em vésperas de parto!!!!

vai correr tudo bem contigo, visualiza o bebé a nascer e tudo a sair muito naturalmente, docemente!!

Acabei de ter a noticia de que nasceu Afonso, hoje solsticio de verão. É neto da minha cunhada...
Tudo correu bem tb.
Um beijo para ti.

greentea disse...

eles só saem qd querem...
a minha tb foi assim e eu estava desesperada pois o pai estava de licença e terminava os dias e depois iria de novo ficar fora muito longe...
acabaram por fazer parto induzido e tudo correu bem - tive tempo de comer um almoço leve , conversar calmamente, entrar bem disposta e mentalizar-me que tudo ia correr muito bem. Eram 4h da tarde qd entrei na maternidade; às 11 a menina estav cá fora a olhar o mundo à sua volta...
beijos para ti; se deixares de aparecer sei q está na hora e faço força por ti !!!

boneca de cacos românticos de vidros sonhadores disse...

É isso aí, Gi.
Eu "travesto" meu impulso romântico de 'ah, tá, vou ser assim'... mas no fim das contas, o quê, na vida a gente escolhe?
Vivemos por obrigação, lembra?

Me identifiquei especialmente com isto ó: "Acordado, sonha/Dormindo, sonha"

Lindo poema. Lindo mesmo.

Sonia disse...

Acordar um romântico pra quê? Deixemo-lo devanear. E já que o dia está chegando, uma boa hora pra você (esta também é do baú).

Galeria Colectiva disse...

romântico e amor nem sempre andam juntos