sábado, 15 de abril de 2006

Flash.


Traço longos olhares horizontais
Que, num flash de desatenção,
Esbarram em teus contornos gritantes...
Gravado em ouro,
Hipnotiza, ladrão de fôlegos,
Ensina a ser mais que observador.
Convite à participação especial no espetáculo individual de existir,
Provocação ardida,
com aura de devassidão ou esperança...
Visão doce dos meus maiores temores,
Estaca nos meus vampiros,
Veneno no meu ser...

Nenhum comentário: