terça-feira, 21 de março de 2006

Fuga.


Minha cabeça sobre suas pernas,
Qualquer paisagem me hipnotiza,
Não com olhos pousados no romance
Mas como cama pacata que silencia
Silêncio que furta o que nem fará falta
Deixa a carne gelada
Depois leva nos teus passos
Parte de mim que eu nem conhecia...

Nenhum comentário: